Grupo Valouro

Grupo Valouro

Grupo Valouro

A trabalhar na comercialização de aves desde 1875, a família Santos, começou a modernizar e a expandir o negócio em 1966, com a construção de um centro de abate de aves (o segundo matadouro de aves privado instalado no país).

Esta unidade, actualmente conhecida como Edifício Avibom, funciona como o núcleo do Grupo Valouro, S.G.P.S., S.A.. Mas o trabalho não ficou por aí. Em 1978, com o objectivo de complementar a fileira avícola, foi instalada uma fábrica de rações na Marteleira, concelho da Lourinhã, à qual se seguiu, 10 anos mais tarde, outra unidade sita junto à estação de caminho de ferro, no Ramalhal, concelho de Torres Vedras.

Seguidamente, e com o mesmo objetivo de completar a fileira de carne de aves, a partir de 1986 deu início à instalação de unidades de multiplicação avícola, criando para o efeito a Sociedade Agrícola da Quinta de Freiria, S.A., que veio a dedicar-se à produção de aves do dia, designadamente pintos, patos, perús e cordornizes.

A expansão do Grupo tem continuado, nomeadamente com a implantação de um circuito fechado na Herdade da Daroeira, sita no Alentejo, com 2343 ha, onde são criados e abatidos 15 milhões de frangos por ano. Adicioinalmente, o Grupo dedica-se à produção agrícola com destaque para a cultura de milho e olival.